sábado, 18 de abril de 2015

Ah, mando palavras, mesmo!

Raquel Ordones poetou com os títulos dos poemas do livro Amando palavras...

“O amor” é o máximo e nos deixa pateta
É algo santo, isento de todo o “pecado”.
Sagrado e insano se ele diz: “sou poeta”
“Synthase”, “a vida”, “nós humanos”: amado.

É uma “felicidade” e “deleite” na esquina
“Transa” ,”alma nua”, “noite branca” ,escura,
“Luz do sol”, “sem tarja” ao imo da “menina”.
“Cálice” de sabor “kind of blue” que perdura.

É inútil, nada se aproxima desse tal sentir.
A expressão tenta exprimir, quase “sarro”.
Se “domingo”, “segunda-feira” e até no carro.

“Enquanto” pensa, cogita, duvida ele passa
“Ergo sum”, o poeta “poema “”palavra” “escrita”
A “caneta” menstrua cores, e a alma negrita.

Em” alento” e “alento”, o “tempo” é senhor.
Sua “trama” em sua era e a nós “sem hora”
Seu momento, um expiro e viva o amor.
“A morte “é só matéria, sinta, ame agora.

Obrigado pelo presente, Raquel.

quarta-feira, 15 de abril de 2015

"Amando palavras" na Casa da Cultura de Uberlândia

Foi bonita a festa, pá! Fiquei contente. 

Muitas palavras, muitos significantes, muitos gestos, muitos olhares, muitos amantes, muito leite. Uma noite de poesia.

Gratidão.







































terça-feira, 7 de abril de 2015

Amando palavras, alguns poemas

Alguns amigos, que estão longe, enviaram suas homenagens em ocasião do lançamento do livro. O vídeo foi generosamente editado pela querida Thaneressa e será apresentado no coquetel de lançamento.

A benção, Mariana, Morgana, Tiago, Ivens, Lígia e Thane.

Saravah!

terça-feira, 31 de março de 2015

O lançamento

Pessoal, o lançamento do livro Amando palavras será na Casa da Cultura de Uberlândia, 11 de abril, às 19h. Contará com participações musicais de Erasmo Valeriano, Kainã Bragiola, Manoel Moura e Mariana Parreira e participações performáticas de Eduarda Pereira, Gusmão Ferrer, Ivens Tillman, Joaquim Vital, Juliana Bom-Tempo, Lobo Guimarães e Renan Bonito.

Será bonito!

Saravah!

quarta-feira, 25 de março de 2015

Cabeça



Leitura de Cabeça, de Adélia Prado, no Sarau Subsolo, que acontece mensalmente na Livraria Armazém Literário, reduto boêmio na cidade de Uberlândia (MG), desde 2013. Produzido pela Agência Cultural & Editora Subsolo, reúne poetas e escritores interpretando seus poemas e textos com performances e apresentações cênicas e musicais, que podem ser conferidas no SoundCloud.

Gritava até parar, quando eu sofria dos nervos.

segunda-feira, 23 de março de 2015

Amando palavras no 301

O livro Amando palavras está quase saindo do forno! Nesse último domingo(22), reuni amigos no meu apartamento para juntos celebrarmos esse acontecimento, a vida e a poesia. Foi um dia de domingo memorável. Karine Belle, bellamente, registrou nossos momentos...